FAMÍLIA À MANEIRA DE DEUS

Salmo 139.14-16

14 Eu te louvarei, porque de um modo assombroso, e tão maravilhoso fui feito; maravilhosas são as tuas obras, e a minha alma o sabe muito bem. 15 Os meus ossos não te foram encobertos, quando no oculto fui feito, e entretecido nas profundezas da terra. 16 Os teus olhos viram o meu corpo ainda informe; e no teu livro todas estas coisas foram escritas; as quais em continuação foram formadas, quando nem ainda uma delas havia.


• Quem nos criou?
• Quem nos conhecia antes de ser criados?
• Quem tem o histórico de nossas vidas antes de existirmos?

O Desafio da Comunicação



Lucas 2.41-50


41 Ora, todos os anos iam seus pais a Jerusalém à festa da páscoa; 42 E, tendo ele já doze anos, subiram a Jerusalém, segundo o costume do dia da festa. 43 E, regressando eles, terminados aqueles dias, ficou o menino Jesus em Jerusalém, e não o soube José, nem sua mãe. 44 Pensando, porém, eles que viria de companhia pelo caminho, andaram caminho de um dia, e procuravam-no entre os parentes e conhecidos; 45 E, como o não encontrassem, voltaram a Jerusalém em busca dele. 46 E aconteceu que, passados três dias, o acharam no templo, assentado no meio dos doutores, ouvindo-os, e interrogando-os. 47 E todos os que o ouviam admiravam a sua inteligência e respostas. 48 E quando o viram, maravilharam-se, e disse-lhe sua mãe: Filho, por que fizeste assim para conosco? Eis que teu pai e eu ansiosos te procurávamos. 49 E ele lhes disse: Por que é que me procuráveis? Não sabeis que me convém tratar dos negócios de meu Pai? 50 E eles não compreenderam as palavras que lhes dizia.


Nesta passagem bíblica em que o menino Jesus, em uma viajem, se separa dos pais temos um exemplo de um diálogo claro e objetivo. Quando viram Jesus, seus pais expressaram de forma clara seus sentimentos. Jesus respondeu à ansiedade dos pais. E, após o diálogo, tudo foi acertado…


Precisamos ensinar e aprender a ouvir – Provérbios 18.13: “O que responde antes de ouvir comete estultícia que é para vergonha sua”.


Ser verdadeiros naquilo que falamos – Efésios 4.25: “Por isso deixai a mentira, e falai a verdade cada um com o seu próximo; porque somos membros uns dos outros”.


Desenvolver a capacidade de amar – I João 3.18: “Meus filhinhos, não amemos de palavra, nem de língua, mas por obra e em verdade”.

Soli Deo Gloria

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s