As aventuras de Jó {parte 1}

É interessante como se têm diferentes perspectivas em relações a certas narrativas bíblicas. Uma das quais me chamam atenção é a história de Jó. Ao conversar com crianças é observado principalmente Jó como o protagonista da história. Já adolescentes enxergam Deus e o Satanás como os protagonistas da história, como que ambos estivessem em uma “queda-de-braço” na disputa pela fidelidade de Jó. Alguns falam que Satanás chama mais atenção na historia do que Jó e até Deus!

O que me impressiona não são as diferentes visões sobre o texto, mas que em toda a Bíblia quem protagoniza a historia é Deus, seja por permissão ou seja por ordem dada. Com Jó não foi diferente. Deus quer mudar o coração de um homem que aparentemente caminhava de maneira perfeita aos olhos da religião… Será mesmo?

No primeiro versículo do livro de Jó, nos é apresentado um belo currículo: “Havia um homem na terra de Uz, cujo nome era Jó; e era este homem íntegro, reto e temente a Deus e desviava-se do mal.” [1] Nossa! Qualidades difíceis de ver em uma só pessoa hoje em dia. Essa é a forma de nos aproximar de Jó, conhecendo suas qualidades. Já no fim do primeiro capítulo temos o tão conhecido versículo de Jó em que após toda a desgraça que acontece em sua vida: “E disse: Nu saí do ventre de minha mãe e nu tornarei para lá; o SENHOR o deu, e o SENHOR o tomou: bendito seja o nome do SENHOR.” [2] Exemplo de adoração e reconhecimento de quem Deus é mesmo em uma situação de extrema tristeza!

No capítulo 2 a desgraça atinge a saúde de Jó e Satanás o fere dos pés a cabeça com tumores que era preciso pedaços de barro para coçar. [3] Seguindo a história, os amigos de Jó sentam-se a sua volta e “sentem” a sua dor. Em lamento Jó amaldiçoa o dia em que nasceu e é exortado por um de seus amigos, Elifaz: “Eis que bem-aventurado é o homem a quem Deus repreende; não desprezes, pois, a correção do Todo-Poderoso.” [4] Apesar de permitir que Satanás o tocasse o texto deixa claro que a repreensão vem do Senhor.

Mas porque Deus faria algo assim a esse homem? Já parou para pensar porque Deus permite que certas coisas aconteçam em nossa vida? Se não há nada que passa longe dos olhos de Deus, como tais situações desconfortáveis acontecem, que muitas vezes chegam até a confundir a fé de muitos? Para estas e outras perguntas é que vamos tentar entender as aventuras de Jó nos próximos capítulos…

Soli Deo Gloria

[1] 1: 1

[2] 1: 21

[3] 2: 7, 8

[4] 5: 17

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s